GRHMA

GRHMA
CLIQUE NA IMAGEM

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Recriação histórica do cerco de Grolle (1627) - outubro de 2015


Caríssimos(as),

Graças à colaboração do nosso estimado companheiro Juan Alberti Dumas, tenho a possibilidade de trazer-vos algumas imagens relativas à participação dos nossos camaradas e amigos espanhóis, na fantástica recriação histórica que periodicamente se realiza em Groenlo (Holanda) e que teve lugar nos passados dias 23, 24 25 de outubro.

Estes nossos amigos estiveram integrados no Terço de Spinola e fizeram justiça à fama e ao valor dos seus antepassados, que durante mais de um século dominaram os campos da batalha da Europa, durante os séculos XVI e XVII.


Alguns destes participantes também estiveram presentes na recriação histórica que este ano foi organizada em Almeida, trazendo um brilho muito especial ao evento, com as armas e uniformes de época.





Aqui podemos visualizar os duros combates que ocorreram no campo de batalha, envolvendo  piqueiros e mosqueteiros.


Um video do evento poder ser visualizado AQUI.


A muralha de piques é intransponível, para a cavalaria!

Os cavaleiros têm outro remédio senão recuar e tentar a sua sorte em outro local do campo de batalha.


Nesta imagem podemos ter uma ideia da perspetiva que um piqueiro tem, quando recebe a investida dos seus adversários, revestidos de metal e empunhando um pique com cerca de 5 metros de comprimento...


Esta trincheira encontra-se firmemente defendida por um destacamento de mosqueteiros.


Felizmente que nem todos os participantes deste evento eram barbudos e revestidos de couraças!

Aqui podemos ver algumas das beldades do séc. XVII
(que até estavam bem conservadas, para a idade...)




E aqui podemos ver a maior beldade presente neste evento! 



Aqui temos o nosso amigo Bobby, que também se dedica à recriação histórica do séc. XVII, para além da recriação histórica do período napoleónico.


O nosso amigo Juan bem que tentou levar esta peça de artilharia no avião, para a sua casa na ilha de Maiorca, mas parece que não conseguiu passar pelo aeroporto, devido ao excesso de peso da bagagem....


Bem, lá terá de ficar para a próxima...


Este soldado é portador de um par de óculos de época, mostrando o rigor que deve ser a imagem de marca de um recriador histórico.

Aliás, caso aqueles nossos soldados mais renitentes não se resolvam, de uma vez por todas, a arranjar óculos de época (como é o caso do nosso amigo João Pina, que muito gosta de passear de uniforme e com os seus óculos escuros da marca Ray Ban...), vou "obrigá-los" a andar com um par de óculos igual a estes!



Pedro Casimiro





domingo, 11 de outubro de 2015

Comemoração da "Sorpresa de Arroyomolinos" - dias 30 e 31 de outubro e 1 de novembro de 2015


Caríssimos(as),

Bem sabendo que temos um grupo numeroso de seguidores(as), que tem um PRAZER especial em acompanhar a caravana das nossas forças expedicionárias, nas suas deslocações ao estrangeiro (do tipo de acordar às 03.00h da madrugada, e fazer viagens de 8-10h...), venho por isso dar conhecimento do próximo evento que irá contar com a participação dos elementos do GRHMA, por terras de Espanha.

Desta vez iremos visitar os nossos estimados e fiéis amigos de Arroyomolinos, e participar no seu evento anual de recriação histórica, que se irá realizar entre os dias 30 de outubro e 1 de novembro próximo.

Aqui fica o programa do evento.

Pedro Casimiro




terça-feira, 6 de outubro de 2015

Comemoração dos 205 Anos da Batalha do Bussaco - Reportagem fotográfica - 2



Caríssimos(as),

Sabendo da vossa curiosidade insaciável, venho trazer-vos mais algumas notícias dos encarniçados combates (histórico-culturais...) ocorridos há alguns dias, nas alturas da serra do Bussaco, que ficaram marcados por mais uma estrondosa vitória (antecipadamente planeada...) do exército luso-inglês.


Como há 205 anos atrás, a cumeeira da serra estava completamente ocupada por elementos portugueses e ingleses, do exército aliado, que aguardavam, serenos e confiantes, a investida do exército imperial francês.


Na dianteira do nosso exército encontravam-se elementos do Batalhão de Caçadores nº 6, que, com o fogo certeiro das suas carabinas Baker, provocavam danos irreparáveis entre os oficiais do exército francês.


E foram de tal ordem os danos provocados, que a cavalaria francesa se viu obrigada a subir a serra a galope, para fazer um ataque (felizmente fracassado...) aos nossos soldados de infantaria ligeira.


E aqui temos o nosso amigo "Ramrod" (a.k.a. Rob Bissel) que, em representação do experiente 1º Batalhão Ligeiro, da King's German Legion, prestou um apoio fundamental à nossa infantaria ligeira.


Tal como sucedeu com os numerosos elementos das ordenanças e guerrilhas portuguesas, dos nossos amigos do Magote de Santo Antão, que não perderam uma oportunidade para assaltar a retaguarda (e às vezes até a vanguarda...) do exército francês.


Aliás, o entusiasmo e a vontade de defesa da Pátria foi de tal ordem, que até os pacíficos elementos do clero tentaram "roubar" armas aos militares, para liderar um assalto às linhas francesas!


E aqui podemos ver a nossa amiga Manuela Gil, que também se juntou ao contingente popular, para defender as alturas do Bussaco.


Tal como sucedeu com a Paulinha, que dividiu o seu tempo neste evento entre tirar fotografias, e dar algumas "pauladas" (...) nos franceses...


E, com tanto entusiasmo e bravura da parte dos militares e do povo português, o resultado só poderia ser este, ou seja, o total desânimo do exército imperial francês!


Nesta imagem é possivel visualizar algumas das autoridades civis e militares que estiveram presentes  neste evento, e que tiveram a oportunidade de assistir a este fantástico evento de recriação histórica.

Parte destas imagens foram retiradas da página do Facebook do nosso amigo, e excelente fotógrafo, Carlos Marques.



Pedro Casimiro







segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Comemoração dos 205 Anos da Batalha do Bussaco - Video III



Caríssimos(as),

E para que não se possa dizer que de noite "todos os gatos são pardos", aqui fica mais um VIDEO que ilustra os combates noturnos realizados na formosa Vila do Luso, no decurso da recriação histórica recentemente realizada no Bussaco, onde é possível distinguir com perfeição quer os corajosos combatentes do exército francês, quer os bravos combatentes do exército luso-inglês.


Pedro Casimiro




quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Comemoração dos 205 Anos da Batalha do Bussaco - Reportagem fotográfica - 1


Caríssimos(as),

Venho trazer-vos, finalmente, algumas imagens relativas ao evento de recriação histórica recentemente realizado na Serra do Bussaco. Uma vez mais, isto só foi possível foi graças à colaboração da excelente fotógrafa oficial do GRHMA, a nossa amiga Paulinha, que, com considerável dedicação, tira (e "desvia"...) fotos fantásticas, de molde a permitir um abastecimento constante de imagens, para este vosso espaço virtual.


O Obelisco do Bussaco, rodeado por soldados portugueses.



Segundo creio, este foi o primeiro ano que o desfile que antecedeu a cerimónia oficial deste evento não contou com a presença do habitual destacamento histórico-militar de soldados uniformizados à época, do Exército Português. Todavia, o soldado Cruz cumpriu condignamente essa função representativa, mediante o transporte do Sistro nesse desfile, conforme podemos visualizar na imagem abaixo representada, enquadrado pela Bandeira Nacional (1810) e pela bandeira regimental do Regimento de Infantaria nº 23.





Aqui podemos ver os andores, transportados por soldados do Exército Português


 Aqui podemos ver o Pálio e o Sr. Sacerdote que presidiu à Celebração Eucarística.


O desfile, na vertente histórico-militar, foi integralmente composto pelos recriadores históricos, nacionais e estrangeiros, que participaram neste evento.


Nestas imagens podemos visualizar os soldados de infantaria e de artilharia do GRHMA, bem como o destacamento da AMBV (Associação para a Memória da Batalha do Vimeiro). 


Algumas destas imagens foram retiradas da excelente página do Facebook do nosso amigo Carlos Marques, que é um dos melhores especialistas a retratar as recriações históricas!



Mas este evento não contou só com cerimónias protocolares!

Na verdade, por estes dias a Serra do Bussaco ficou muito agitada com o troar das peças de artilharia, os disparos dos mosquetes e o tropel da cavalaria.

É só aguardar por mais novidades!


Pedro Casimiro