Clique na Imagem

quarta-feira, 23 de março de 2011

Escola do Soldado - Março de 2011 (2)


No dia de sábado pela manhã todas as tropas presentes deslocaram-se ao largo principal da aldeia de Freineda a fim de participarem numa pequena cerimónia evocativa


O objectivo desta cerimónia foi o de evocar e recordar uma vez mais os graves acontecimentos que afectaram o nosso país no início do século XIX e que implicaram, além do mais, o desenraizamento de comunidades inteiras, com a inerente perda dos meios de subsistência mais elementares.
Tais acontecimentos poderiam servir para ajudar a ver com outra perspectiva o momento presente que, apesar de delicado, empalidece quando comparado com outras agruras que o nosso povo suportou e superou.


O edíficio que é possível visualizar na rectaguarda serviu de quartel-general ao General Wellington (comandante do exército luso-britânico no decurso da Guerra Peninsular) entre o final do ano de 1812 e o princípio do ano de 1813.


Depois de uma breve alocução realizada pelo soldado sapador Sérgio Veludo, as forças presentes prepararam-se para fazer um tiro de salva.


Fogo!

Pedro Casimiro

Sem comentários:

Enviar um comentário