Clique na Imagem

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Cerco de Almeida 2015 - Reportagem Fotográfica-2



Caríssimos(as),

Conforme prometido, este ano tivemos uma fantástica novidade, que se traduziu na presença neste evento de recriadores históricos alusivos ao séc. XVII, facto que só foi possível graças ao trabalho e colaboração do nosso amigo Juan Alberti.



Aqui podemos ver o nosso amigo Juan, envergando um excelente uniforme, habitualmente utilizado pelos piqueiros dos Tércios espanhóis do séc. XVII.

As couraças metálicas e os trajes de algodão utilizadas por estes nossos amigos fizeram quase parecer "arejados" os nossos uniformes, alusivos ao séc. XIX, quando foi necessário enfrentar o sol que dardejou sobre Almeida, por estes dias (34-36 graus, à sombra...)



Aqui podemos ver um dos participantes seiscentistas neste evento, que brindou os presentes com uma excelente aula de esgrima, onde tivemos oportunidade de apreciar alguns movimentos associados à utilização de armas brancas de época.


Conforme podemos apreciar, as senhoras também têm a força e a coragem necessárias para pegar em armas e para recriar o séc. XVII!

Nestas duas imagens podemos ver uma das recriadoras históricas presentes neste evento, com ânimo para pegar quer no pique (com 5 metros de altura...), quer na espada, e enfrentar qualquer desafio para proteger o património histórico-militar do seu país (Espanha).

Nós por cá já vamos tendo algumas senhoras portuguesas com ânimo para pegar em armas e participar nesta atividade cultural, mas ainda não se comparam com o número de recriadoras históricas existentes em Espanha...

Então, onde é que está a fibra das mulheres portuguesas?!




E cá está mais um soldado dos Tércios, a manobrar o seu pique com mestria.


Aqui temos um arcabuzeiro, a demonstrar a arte de manobrar e fazer disparar uma das armas de fogo da época: o arcabuz.

E nós, que pensávamos que o mosquete do séc. XIX era difícil de manobrar, ficamos com uma apreço acrescido pelas nossas armas...


 Esta foto quase que pode ser utilizada com um quadro de época. 

É este o fantástico enquadramento histórico que podemos encontrar em qualquer esquina, quando percorremos as ruas da graciosa Vila de Almeida.



No final da batalha de sábado (dia 29 de agosto), todos os recriadores históricos e público presentes foram brindados com um excelente espetáculo piro-musical, que recriou artisticamente a explosão do castelo de Almeida, ocorrida em agosto de 1810, e que pôs fim ao Cerco na altura realizado pelo exército francês.



Podem encontrar estas e outras imagens relativas aos recriadores do séc. XVII no facebook da nossa amiga Pilar Albelda.

Bem haja, uma vez mais, aos nossos amigos espanhóis que se dispuseram a percorrer muitas centenas de quilómetros a fim de trazerem a Almeida as cores e o brilho dos recriadores históricos do séc. XVIII!


Pedro Casimiro




Sem comentários:

Enviar um comentário