GRHMA

GRHMA
CLIQUE NA IMAGEM

domingo, 23 de outubro de 2016

Dia Nacional das Linhas de Torres: Sobral de Monte Agraço, dia 20 de outubro de 2016 - Reportagem fotográfica


Caríssimos(as),
No passado dia 20 de outubro realizou-se, conforme previsto, uma interessante cerimónia evocativa do Dia Nacional das Linhas de Torres, na simpática localidade de Sobral de Monte Agraço.

Esta associação do dia 20 de outubro à comemoração do Dia Nacional das Linhas de Torres é relativamente recente, tendo sido institucionalizada através da Resolução da Assembleia da República nº 88/2014, de 17 de outubro de 2014.

Esta efeméride pretende promover uma justa homenagem aos profundos sacrifícios suportados pelos homens e mulheres da Nação Portuguesa, designadamente no decurso da Terceira Invasão Francesa, cujo esforço foi determinante para a edificação, em tempo útil, do formidável obstáculo que foram as Linhas de Torres, que o numeroso e aguerrido Exército Francês invasor, liderado por André Massena encontrou no final do ano de 1810 e que não logrou transpor, assim se contribuíndo de um modo determinante para a salvaguarda da independência nacional.


Como não podia deixar de ser, este evento contou com a presença dos nossos amigos e amigas da Guerrilha de Montagraço, cujo grupo de reconstituição histórica é constituído por elementos populares que, desde há já vários anos, vem contribuíndo precisamente para evocar a memória da bravura e resistência do povo Português ao invasor francês, no decurso da chamada Guerra Peninsular.



E aqui podemos ver os nossos camaradas da Associação para a Memória da Batalha do Vimeiro, que recriam o Regimento de Infantaria nº 19 e cuja presença contribuiu para abrilhantar este evento, com a sua habitual e rigorosa postura histórico-militar.




Este evento evocativo teve lugar junto ao interessante Centro de Interpretação das Linhas de Torres, que se situa no centro histórico da vila de Sobral de Monte Agraço e contou com a presença de de diversas personalidades locais, entre as quais se incluiu o Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço, José Alberto Quintino, que é igualmente Presidente da Associação das Linhas de Torres, cuja Rota Histórica das Linhas de Torres já conta no seu curriculum com o prestigiado Prémio da União Europeia para o Património Cultural Europa Nostra 2014.

O meritório trabalho nesta matéria desenvolvido pela Plataforma Intermunicipal das Linhas de Torres, que integra os municípios de Sobral de Monte Agraço, Arruda dos Vinhos, Loures, Mafra, Torres Vedras e Vila Franca de Xira, constitui um excelente exemplo do contributo que responsáveis autárquicos determinados podem dar para a preservação e divulgação da História de Portugal.

Este evento constitui também mais um exemplo do contributo que associações como a Guerrilha de Montagraço e a Associação para a Memória da Batalha do Vimeiro podem dar, ao nível da evocação deste nosso património histórico-cultural, cuja defesa e promoção é um imperativo de cidadania.

Autoria das imagens: Fernando.

Pedro Casimiro




Sem comentários:

Enviar um comentário