Clique na Imagem

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

"Mortágua nos Caminhos da Batalha do Bussaco": dia 24 de setembro de 2016 - reportagem fotográfica


Caríssimos(as),
Em resposta a um amável convite proveniente do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Mortágua, o GRHMA esteve presente neste evento, realizado no passado dia 24 de setembro, que começou, no período da manhã, com um colóquio intitulado "Mortágua nos Caminhos da Batalha do Bussaco".

 

Neste colóquio esteve presente um ilustre painel de conferencistas, que brindou o público assistente com um conjunto de comunicações muito interessante, relativo à temática das Invasões Francesas e em especial ao papel que Mortágua teve no contexto da chamada terceira invasão francesa.


No período da tarde e após a chegada do destacamento de bravos soldados do GRHMA, colaboramos na montagem com acampamento histórico, erigindo algumas das tendas de época, cedidas pelo nosso grupo para este efeito.
 

E, como sempre, o nosso Comandante deu o exemplo, trabalhando arduamente na montagem das tendas, junto ao acampamento histórico.


Depois do trabalho feito ainda houve oportunidade para um animado convívio, em que os nossos veteranos soldados, como o António e o Palanca, tiveram oportunidade de trocar algumas estórias mais peculiares, alusivas aos inúmeros e violentos combates e batalhas, em que já foram intervenientes, realizados por toda a Europa.



Algumas dessas estórias, porém, acabaram por impressionar o Rui, que é o nosso mais recente recruta do Regimento de Artilharia nº 4!

O nosso amigo Rui não se deve deixar impressionar pelos contos e ditos dos seus camaradas, porquanto é conhecido o facto de que os soldados têm uma tendência acentuada para o exagero...



Quem já não se deixa impressionar pelas estórias contadas pelos soldados é o nosso veterano sargento Guedes, que aproveitou o tempo disponível para provar algumas das excelentes uvas existentes no local.
 

O nosso artilheiro Fonseca, por seu lado, também fez o possível por acalmar o nosso recruta, fazendo uma alusão ao ditado popular de que "são mais as vozes, que as nozes"...

 

O nosso sargento Guto andava tão ocupado, com uma marreta na mão, que nem sequer se apercebeu da tentativa feita pelos soldados veteranos, no sentido de impressionar o nosso recruta.



Tanto assim foi que, a certa altura, revelou-se necessária a intervenção do nosso estimado Comandante, no sentido de acalmar as tropas. Os nossos soldados veteranos, com a sua bonomia habitual, não só aceitaram a repreensão, como até se dedicaram a "dar graxa" ao Comandante, à moda de 1810...


E, uma vez mais, quem captou para a posteridade estes momentos singulares foi a nossa Paulinha, que foi o único elemento do nosso departamento civil que arranjou coragem para subir às alturas da serra do Bussaco!


Depois do jantar foi realizado o já esperado Passeio Noturno Encenado, destinado a recriar a passagem das tropas francesas por Mortágua, no período que antecedeu a grandiosa batalha realizada no dia 27 de setembro de 1810.


Nesta iniciativa, que contou com a presença e participação de público em número bastante significativo, tivemos também oportunidade para fazer uma referência a algumas das caraterísticas mais relevantes do fardamento e do equipamento utilizado pelos soldados participantes nesta batalha.


O Sr. Eng. José Júlio Norte, Presidente da Câmara Municipal de Mortágua, também marcou presença e participou ativamente neste interessante evento.


No final do percurso os participantes tinham à sua espera a Orquestra Ligeira do Exército, que brindou todos os presentes com um excelente concerto musical, recheado de fantásticas atuações!


Na praça onde decorreu este concerto estavam espalhadas algumas figuras, que pretendiam retratar uniformes de época, como aquela que é possível visualizar na imagem supra.

Esta figura, porém, parece possuir uma semelhança muito acentuada com um dos nossos recriadores históricos mais conhecidos, que, porventura, se terá deslocado a Mortágua por estes dias, a fim de poder ser retratado com tamanha fidelidade...

Foi para o GRHMA um prazer poder colaborar com o Município de Mortágua no desenvolvimento desta iniciativa, no decurso da qual também tivemos a oportunidade de fazer algumas sugestões e lançar alguns desafios, relacionados com a promoção e divulgação do relevante património histórico-cultural deste concelho, associado ao período das Invasões Francesas, que esperamos venham a dar frutos.

Autoria das imagens: Paulinha e C.M .de Mortágua.


Pedro Casimiro




Sem comentários:

Enviar um comentário